Publicado em Tag -Entrevistas

Betty Gaeta

Imagem
Área de Atuação: Direito
Cidade: Bauru – SP
Betty é Publicitária e Advogada e também autora do Blog:
Postura Urbana: Passou por um momento difícil em sua vida, como superou sua doença?
Betty Gaeta: Prefiro pensar que ainda não superei o CA, ele está aí e vai sempre estar, mas agora não me pega mais de surpresa, pois sou mega cuidadosa.
Hoje eu tenho uma vida diferente da que eu tinha antes do CA, mas pesando os prós e contras, esta nova vida é melhor do que a anterior, pois aprendi a gostar mais de tudo e todos que me cercam, aprendi a valorizar cada segundo e todas as coisas, inclusive as pequenas.

Postura Urbana: O que te move?

Betty Gaeta: Eu sou curiosa, novidadeira e tenho trocentos planos para o futuro. Um dia conversando com o pessoal do meu serviço, comecei a falar das coisas que eu queria fazer, dos planos de viagem, cirurgias reparadoras para devolver o que a doença me tirou, reformas na casa, troca de carro e um monte de coisas mais. Foi aí que o estagiário me olhou espantado e me disse que era muita coisa. A maioria das pessoas presentes, quando muito pensavam em trocar o automóvel e eu parecia uma mola comprimida pronta para ser solta e voar longe.
Faltam horas no meu dia, faltam dias no meu mês e faltam meses no meu ano.

Postura Urbana:  O que acha da publicidade atual?

Betty Gaeta: Eu estou afastada da publicidade, pois não estou atuando mais na área (não dava para me sustentar, então fiz direito e a publicidade virou apenas um complemento, mas é pena, pois sou melhor publicitária do que advogada), contudo eu vejo muita coisa boa e muita coisa ruim por aí.
Estou aprendendo a usar meus conhecimentos da área no mundo virtual. Estou aprendendo na tentativa e erro, ainda não encontrei nenhuma literatura séria a respeito que possa ajudar.

Postura Urbana: O que te inspira?

Betty Gaeta: Já me fizeram esta pergunta e isto eu trouxe da área da publicidade para o blog. Quando eu trabalhava como publicitária, eu não podia dizer para o cliente que o trabalho não estava pronto porque eu não tinha inspiração, então tinha que sair algo. Tem aquele ditado que diz “o passarinho canta porque é feliz ou é feliz porque canta? Comece a cantar que a felicidade vem”. O mesmo se dá com a criatividade, quando sento para criar, ainda que não tenha nenhuma inspiração, sei que virá, é só começar.

Postura Urbana: Fale de seu dia a dia.

Betty Gaeta: Eu acordo às 06:30, e entro no serviço às 08:00 horas. Trabalho no período da manhã e sempre que sobra um tempinho eu dou uma olhadinha no blog, mas faço isto no meu próprio notebook e usando um modem, não uso o PC do serviço.
À tarde eu sempre tenho vários compromissos, pois administro alguns negócios que tenho, faço serviços bancários e tenho médico e dentista pelo menos duas vezes por semana (eu falei que a vida não é a mesma depois da doença). Três vezes por semana eu vou à academia onde faço um circuito com a minha personal trainer.
À noite é que eu acesso o blog, respondo e-mails, fecho contratos de publicidade para o blog e até adianto alguns posts.
Domingo é o dia que eu deixo os posts prontos para a semana. Sábado é o meu dia de folga e neste dia desligo o computador (quase o dia todo).

Postura Urbana: Fale sobre seu blog.

Betty Gaeta: O blog nasceu de uma reação. Durante e depois da doença as pessoas que me procuravam sempre falavam de doença e sobre o período difícil que eu estava passando. Para piorar, ao mesmo tempo em que eu enfrentava o CA, minha mãe estava com Doença de Alzheimer (agora ela já faleceu). Sou filha única e tudo ficou muito pesado, muito difícil. Eu me afastei das pessoas por absoluta falta de tempo. Sobrei eu e meu marido para lidar com tudo (se não fosse ele, não sei o que seria de mim). Um dia eu sentei na frente do computador e resolvi que eu queria parar de falar sobre doenças e queria voltar a falar do que eu gosto, ou seja, de moda, decoração, cinema, arte e outras coisas mais. Foi aí que nasceu o “Gosto Disto!”. Tudo o que eu queria era fazer um blog bonito, sem pretensão nenhuma. Eu nem sabia o que eram seguidores e nem que blogs cresciam e podem dar lucro.
Hoje o blog faz parte do meu dia a dia e me dá uma satisfação imensa ver o quanto ele cresceu e também saber que tanta gente gosta do meu blog, gosta das mesmas coisas que eu.
Betty, o Postura Urbana agradece a entrevista, SUCESSO e parabéns pela força!!!

Imagens: Arquivo Pessoal

Por: JGA

ImagemImagemImagem
Anúncios

8 comentários em “Betty Gaeta

  1. Betty queridona, como é gratificante tê-la como amiga virtual e poder ler, perceber que pessoa bacana, honrada e guerreira que é. Se já sou tiete do seu Blog Gosto Disto, depois da entrevista virei fã incondicional. Sempre tenho em mente que as pessoas se conhecem porque já foram grande amigas anteriormente e é assim que sinto todas as vezes que teclo para ti.
    beijo grande e que em seus caminhos a vitória e a alegria sejam ponteiros de sua bussola.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s