Publicado em Tag -Entrevistas

Wagner Campelo

Estampas criadas por Wagnerwagner_campelo_01 wagner_campelo_02

Profissão: Designer e Professor Universitário

Cidade: Rio de Janeiro – RJ

 

Postura Urbana –   Conte um pouco como descobriu o mundo das estampas.

Wagner Campelo – Meu primeiro contato com estamparia surgiu quando tive a oportunidade de trabalhar, como desenhista de padronagens, numa multinacional fabricante de material vinílico. Naquela época (1989) a computação gráfica ainda não era uma realidade no Brasil e todo o trabalho tinha de ser feito manualmente, com tintas, lápis e pincéis. Na verdade, quando fui contratado, eu nem sabia exatamente como elaborar um desenho, que, quando multiplicado desse a sensação de continuidade. Precisei descobrir tudo sozinho, através de experiências, tentativas, alguns erros e muitos acertos. Trabalhei durante três anos nesta empresa, desenvolvendo estampas para papel de parede, revestimento para estofados, pisos, cortinas para box, plástico adesivo, entre outros itens.

 

Postura Urbana –   Como se dá seu processo criativo?

Wagner Campelo – Meu processo criativo depende de uma série de fatores como o briefing, o sistema de impressão, o resultado pretendido segundo as expectativas do cliente… Assim, posso desenvolver desenhos manualmente ou de forma direta nos programas; posso usar imagens diretamente ou de modo indireto; posso fazer uso de técnica mista, explorando as duas possibilidades anteriores… O importante é que o processo seja adequado ao objetivo da proposta. Acredito que quanto mais diversificados forem os processos de criação, mais originais e inesperados podem ser os resultados.

 

Postura Urbana –  Você tem alguma preferência por alguma técnica? Se sim, porque?

Wagner Campelo – Não tenho preferência, pois tudo depende da proposta. Porém, sempre que possível, procuro usar fotografias feitas por mim mesmo como ponto de partida para diferentes técnicas, sejam elas de uso direto ou indireto.

 

Postura Urbana –   Complete a frase, A moda e o design no Brasil são…

Wagner Campelo – Atividades cada vez mais crescentes e que estão tentando buscar uma identidade (nacional) própria.

 

Postura Urbana –  Como está o mercado para os novos designers de estamparia?

Wagner Campelo –  Acredito que este mercado está em plena ascensão, mas, apesar disso, percebo que muitos clientes ainda não valorizam adequadamente este ofício, pois quase nunca estão dispostos a pagar o devido preço que uma estampa exclusiva pode atingir.

Postura Urbana –  Na criação de uma estampa a criatividade é ilimitada?

Wagner Campelo –  Teoricamente, sim, mas é preciso sempre considerar o briefing com suas diretrizes, exigências e restrições. Deste modo, alguns fatores podem (e devem) conduzir a criatividade, delimitando-a a uma proposta coerente e adequada ao projeto do cliente.

 

Postura Urbana –  Fale um pouco de seu dia a dia…

Wagner Campelo – Atualmente, devido a estar lecionando na graduação e pós-graduação da faculdade SENAI-CETIQT, meu dia-a-dia precisa ser dividido entre as atividades referentes ao ofício de professor e também ao trabalho como designer. Além disso, também costumo ministrar cursos livres aqui no Rio e em São Paulo. Assim, parte da minha semana é dedicada a dar aulas, corrigir trabalhos e provas, elaborar novos cursos livres; e a outra parte, ao desenvolvimento de estampas para os meus clientes.

Estampas criadas por Wagnerwagner_campelo_03 wagner_campelo_04 wagner_campelo_05

Wagner, o Postura Urbana agradece a entrevista. Sucesso!!!

 

 

Por: JGA

 

Anúncios

2 comentários em “Wagner Campelo

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s