Publicado em Uncategorized

Sobre o carnaval !!!

 

Máscaras-para-o-Carnaval- 2

Carnaval, 4 dias de folia… Ou não….

Há quem goste, há quem odeie, há quem não tenha opinião formada. Muitas pessoas aproveitam o carnaval para ir literalmente a forra, beber até cair, pegar geral, isso me parece desespero e fraqueza de gente insatisfeita, vc pode tudo o ano todo, não precisa extravasar e exagerar em 4 dias, claro que precisa de bom senso e de auto valorização.

Eu particularmente gosto de carnaval, mas carnaval de interior, aquele feito na rua onde pessoas de todas as idades brincam de forma saudável ao som de marchinhas, aqui em Sampa alguns blocos na vila madalena, pompéia e outros bairros tem uma proposta de carnaval de rua a moda antiga para todas as idades, músicas de MPB, Rock, Reggae são cantadas em ritmo de marchinha, é divertido ano passado curti um bloco da vila madalena, esse ano provavelmente vá de novo.

Máscaras-para-o-Carnaval- 3

Mas de onde veio o carnaval afinal?

Há algumas definições, entre elas a de que o carnaval é considerado uma das festas populares mais animadas e representativas do mundo. Tem sua origem no entrudo português, onde, no passado, as pessoas jogavam uma nas outras, água, ovos e farinha. O entrudo acontecia num período anterior a quaresma e, portanto, tinha um significado ligado à liberdade. Este sentido permanece até os dias de hoje no Carnaval.

Chegou ao Brasil por volta do século XVII e foi influenciado pelas festas carnavalescas que aconteciam na Europa. Em países como Itália e França, o carnaval ocorria em formas de desfiles urbanos, onde os carnavalescos usavam máscaras e fantasias. Personagens como a colombina, o pierrô e o Rei Momo também foram incorporados ao carnaval brasileiro, embora sejam de origem europeia. No Brasil, no final do século XIX, começam a aparecer os primeiros blocos carnavalescos, cordões e os famosos “corsos”. Estes últimos, tornaram-se mais populares no começo dos séculos XX. As pessoas se fantasiavam, decoravam seus carros e, em grupos, desfilavam pelas ruas das cidades. Está ai a origem dos carros alegóricos, típicos das escolas de samba atuais. No século XX, o carnaval foi crescendo e tornando-se cada vez mais uma festa popular. Esse crescimento ocorreu com a ajuda das marchinhas carnavalescas. As músicas deixavam o carnaval cada vez mais animado. A primeira escola de samba surgiu no Rio de Janeiro e chamava-se Deixa Falar. Foi criada pelo sambista carioca chamado Ismael Silva. Anos mais tarde a Deixa Falar transformou-se na escola de samba Estácio de Sá. A partir dai o carnaval de rua começa a ganhar um novo formato. Começam a surgir novas escolas de samba no Rio de Janeiro e em São Paulo. Organizadas em Ligas de Escolas de Samba, começam os primeiros campeonatos para verificar qual escola de samba era mais bonita e animada. (Fonte: suapesquisa.com)

Máscaras-para-o-Carnaval- 4 Máscaras-para-o-Carnaval-

Gostando ou não, bom carnaval a todos!!!

 

Por: JGA