Publicado em Tag -Entrevistas, Uncategorized

O Homem do salto alto!

MNFI3422-10

Em seu release Paulo Fonseca é definido assim:

Paulo Fonseca, é hoje, o único homem no mundo, com um Programa de TV no canal fechado que tem um diferencial nunca visto: Usa Terno e Salto Alto.
Em 2013 e 2014, foi eleito várias vezes por críticos de moda, marketeiros, empresários, intelectuais, entre outros, como a nova aposta da TV no Brasil.
Dotado de uma personalidade forte, com alma de criança, agregados a um olhar doce, um sorriso encantador e a sua beleza, fazem dele, um dos homens mais diferentes e originais do País.
Já foi modelo, vendedor de Barsa, diretor de várias empresas no Brasil, durante 20 anos, atuando no segmento comercial; e hoje, é Jornalista, Empresário, Marketeiro e Visionário, e dono de um programa de TV, elogiado em todo o Brasil e nos canais do qual o mesmo é veiculado.
É considerado por 90 de 100 mulheres, um dos homens mais belos do Brasil. Desperta curiosidade por onde passa e admiração também, por vários homens, devido a sua elegância e postura aliados ao seu figurino e personalidade.
É definitivamente um show man. Dança, Alegra, Encanta, Informa, Incomoda, Emociona e Brilha por onde passa. Não há como não perder algumas “horas”, vendo seu belo trabalho na TV, seus comentários, sua postura e seu sorriso. É uma criança em um corpo de homem, que em cada novo dia a dia, inova e transforma, despertando algo nas pessoas por onde passa e com quem convive.
Amante dos animais e dos idosos, busca sempre, aliar o amor e a humildade em tudo que faz. Defensor fiel dos direitos humanos e de projetos sociais, Paulo Fonseca é definitivamente, o que a TV estava precisando no Brasil e também, para inveja de muitos, no Exterior.
Entre suas maiores paixões, está sua vida, do qual se orgulha muito; família, amigos, poucos, mas reais; fãs, admiradores, seus carros, animais, sua espiritualidade e sua honestidade.
Dotado de Extremo bom gosto, conseguiu aliar em sua personalidade, moda,  estilo, requinte sofisticação e: SALTO ALTO. Hoje, Paulo Fonseca, é muito “copiado”, sendo destaque em todos os programas de TV por onde passa, elevando a audiência, enlouquecendo o público feminino e mexendo com o conceito de vários homens em geral.
Não é pouca coisa não né? Confira agora a entrevista concedida ao Postura Urbana:
Postura Urbana:  Paulo, como se deu sua trajetória?
Paulo Fonseca: Tenho 37 anos, ariano, nascido na cidade de Barretos, interior de São Paulo. Me mudei para a capital, por vontade própria aos 18 anos, do qual, comecei minha vida na área comercial, vendendo enciclopédia Barsa, na rua. Mais tarde, ingressei a convite, para outras grandes multnacionais, entre elas: Icatu Hartford Seguros, Mongeral Seguros, Qualicorp, Equifax, Sulamérica… onde aos poucos, fui me especializando nestes segmentos, e já ocupando cargos de liderança e chefia, fixando meu nome no mercado corporativo.

Postura Urbana: Percebe-se que você é um admirador do universo feminino,como surgiu a ideia de apresentar seu programa usando salto alto?

Paulo Fonseca: Sempre fui uma pessoa de muita personalidade. Meus pais que dizem, rs. Desde muito cedo, sempre gostei e tive um gosto apurado para o BOM GOSTO. Na escola, no trabalho, entre amigos, sempre fui copiado e visto como “porta voz” para vários assuntos… Era o “terror dos professores”, pois sempre fui formador de opinião. Venho de família muito simples, é verdade, mas meus pais sempre me ensinaram que com honestidade, foco e humildade, se vai ao longe. Fui criado pela minha mãe e pelos meus avós maternos, do qual, tive uma sólida estrutura familiar, com muito amor e carinho. A maior apoiadora do meu trabalho, e de minha personalidade, era minha avó, que em tudo, estava ao meu lado, e minha mãe que sempre foi meu exemplo de mulher, mãe, amiga e guerreira.

O Salto Alto surgiu por ela. Minha mãe sempre foi extremamente vaidosa e nos ensinou que mesmo na simplicidade, se consegue estar e permanecer belo(a). Sempre gostei de moda e de tudo que “enche aos olhos”… e o salto alto, foi a forma que eu tive de homenagear minha mãe e todas as mulheres do mundo, que como eu, gostam de estar bem e elegantes; E não há nada mais elegante que uma mulher educada, com postura e classe em cima de um salto alto, que com o passar dos tempos, caiu no gosto e na cultura feminina; já que o salto alto foi criado para HOMENS, por LUIZ XV. Enquanto maior o salto alto, maior o poder político e hierárquico entre os reis, barões, etc..

Postura Urbana: De onde vem sua inspiração para o trabalho?

Paulo Fonseca: Pode até parecer arrogante, ou mera presunção, mas minha inspiração vem dos meus sonhos, das minhas vontades… Sou uma pessoa que AMA trabalhar. A noite, é onde meus pensamentos vem à tona, e com isso, crio, reflito e componho todo meu “arsenal profissional humano”. Minha inspiração vem do meu coração; De levar as pessoas, cultura, alegria, sonhos, fantasias, desejos, personalidade, vontades, informação, humanização. Por ser gay, passei na infância e na adolescência, por muitas provações e hoje, aos 37 anos, tento levar as pessoas e conscientizá-las de que devemos avaliar as pessoas pela sua postura e pelo seu caráter e não pela suas escolhas sexuais ou religiosas. Me inspiro no ser humano, no meu íntimo, nos meus desejos mais guardados, transformando-os em realidade, dando a eles ( meus pensamentos e desejos ), vida e forma. Nada mais bonito que uma pessoa humana, humilde e honesta; que ama as pessoas, os animais, as crianças, os idosos… Estas são minhas verdadeiras inspirações: Fazer o BEM levando alegria e amor. Isto me inspira muito.

Postura Urbana: O que te enacanta e o que te repele?

Paulo Fonseca: Rss, esta pergunta é bem complexa. Digo que sou um “rabujento perfeccionista” em corpo de uma pessoa de 37 anos, rss.

Muitas coisa me atraem, me encantam: Bondade, Simpatia, Humildade, Honestidade e pessoas de palavra. Acho que esta última é a que mais me encanta nas pessoas. A palavra e a verdade é algo que me fascina. Pessoas verdadeiras e Inteligentes, sem serem soberbas e arrogantes me atraem;  independente da classe social, raça, sexualidade, religião… Outra coisa que muito me faz bem são os animais, crianças e idosos. Mais os animais e idosos; os animais pelo que são, pela inteligência que possuem em nos amar sem esperar nada em troca; simplesmente amam…. e os idosos, pela experiência de vida, pela paciência, pelo amor, pela paz que transmitem e pela humildade. Queria ter 1/3 da experiência e sabedoria deles… isso me apaixona.

Agora o que me repele literalmente? Acho que o que mais me tirava do “eixo”, são pessoas sem palavra; pessoas ingratas, pessoas falsas e hipócritas. ( infelizmente o que mais tem hoje… ) e gente preguiçosa; Nossa, esta última então, me mata. Não aguento ver um mundo inteiro para ser “consumido” de cultura, trabalho, dedicação, amor, vida… e a pessoa, sem querer fazer nada, ou quando faz, o faz “porcamente”; Isto para mim é o fim. Antes, ficava até doente com pessoas assim, mas hoje, graças a minha elevação espiritual, ignoro. Aprendi a fazer isso com maestria… Não falo mal, não comento, apenas ignoro. Tiro da minha vida com a mesma intensidade que entrou.

Gente assim, não quero por perto; nem faço questão. Nunca fui de “aturar gente deste modo”, e agora, aos 37 anos, é que não aturo mesmo….rs.

Postura Urbana: Falando de TV, o que acha da programação atual dos canais abertos?

Paulo Fonseca: Falar de TV, de Emissoras, de Profissionais de TV é bem complexo. Neste “meio”, há muita gente envolvida: diretores, presidentes, empresários, cameras man, maquiadores, diretores de produção, estilistas, assessores… enfim… é muito grande e vasto o leque de pessoas que “formam”, que fazem uma emissora. Se tratando de programa de TV, eu não gosto do que vejo hoje nas emissoras.

Dá para se contar nos dedos, os programas de TV de fato, que são bons; que levam entretenimento, cultura, alegria e informação de um modo claro, bonito direto e despretensioso.

Nunca tive, mesmo antes de atuar como apresentador de TV, “paciência e “espírito”, para programas chulos, para “peito e bunda”; para barracos, intrigas, humilhações e sensacionalismo. Gosto de coisas que me agregam, de profissionais que nos elevem, que tragam para quem está em casa, amor, alegria, cultura e informação com classe e bom gosto.

Não gosto de nada “forçado”, de nada “montado – combinado”… deste modo, pouco assisto TV. Só assisto alguns programas do qual me identifico. Amava por exemplo, assistir a HEBE CAMARGO.

Gosto de programas como: Ana Maria Braga, Jô Soares, Marília Gabriela; Me divirto com a humildade, força e coragem do Ratinho, a classe do Roni Von, o Estilo do Amaury Jr, enfim, e lógico, nos canais fechados: assisto vários.

Acho que o Brasil está “acordando” e percebendo que hoje, as pessoas buscam luxo, alegria, sofisticação e cultura aliados a personalidade e a pessoas que de fato, são isto… por isso faço um programa totalmente diferenciado. Com nível e originalidade e as pessoas percebem isso claramente; o que por sinal, está dando muito certo. Os canais abertos hoje, estão mais focados em quantidade. Eu foco em qualidade. Antes ser destaque com pessoas que tem cultura, seja ela de que grau for, do que quantidade com pessoas que nada ajudam nossa sociedade a crescer. Hoje, infelizmente, vemos claramente o que a sociedade está se tornando… e isto não é bom para as próximas gerações. A maioria das emissoras hoje, não estão preocupadas em “formar pessoas” e sim, em levar porcaria para dentro de casa. Eu nunca gostei de porcaria, então não assisto. As emissoras que tem uma visão ampla e visionária de cultura e entretenimento, estão enriquecendo de forma maravilhosa, com inovação e com isso, incomodando a concorrência; Estas emissoras tem meu apreço e interesse, como fazem hoje, as emissoras de canal fechado, que a cada dia, são sucesso no mundo todo. É nestas emissoras de canal aberto e fechado, que me espelho para fazer meu trabalho. Em QUALIDADE com nível e cultura.

Postura Urbana:  Complete a frase: Chic é ser…..

Paulo Fonseca:  As pessoas, acham que ser “chic’, é ter um carro importado; morar em uma mansão; é esbanjar dinheiro, comida; Acham que sendo arrogantes, soberbos, ( mostrando ou “impondo”, que sabem, conhecem  ou que tudo “sabem”), que são chiques; pelo contrário..mostram apenas o quanto são pequenos espiritualmente; Uns amargos, frustrados, vazios de essência…é assim que os defino.Ser chic para mim, é cumprimentar as pessoas: O Bom dia, o Boa tarde, o Boa noite; é respeitar seus funcionários, empregados; é tratar as pessoas pobres, humildes, justas e corretas com dignidade.

Ser chique para mim, é viver em paz. Isto para mim é muito chique. Deitar no travesseiro e dormir com o coração limpo, tranquilo…

Ser chique para mim, é usar da verdade do seu coração. É ter humildade. É ser grato(a). Conheço tanta gente, com muito dinheiro que tem humildade; que trata bem seus funcionários, seus empregados. Que não distingue uma pessoa da outra porque é negra, ou porque é gay, ou deficiente, ou pobre… Isso para mim é chique; Como também conheço gente que não tem onde cair morto(a), que passa a “pão e ovo” dentro de casa mas está lá, com seu carro importado, com suas “roupas de grife” e que tratam as pessoas sem o maior respeito ou caráter….e juram por Deus que são chiques, que são ‘pessoas do BEM”… gente assim para mim e uma bactéria, é a mesma coisa… O resto, como carros, casas, jóias, viagens, enfim, tudo que é material, para mim não é  ter e ser definido como chique. Isso para mim, é sinônimo do seu trabalho! Isso sim. O que é chique mesmo, é sutíl, é original, tem personalidade, tem característica…. o resto, é apenas superficialidades. Ser chique é fazer o BEM, de verdade, sem ter que colocar em “holofotes”… É conhecer e praticar de verdade o que significa: Amizade, Humildade, Respeito, Honestidade, Deus, Amor, Gratidão; É saber Compartilhar, Somar, Multiplicar. E acima de tudo: Respeitar os animais, crianças, e os idosos. Isso para mim, é ser chique.

Postura Urbana: Como você define Paulo Fonseca?

Paulo Fonseca: ) Me definir é algo meio “estranho”… Nunca fui uma pessoa muito fácil de se lidar; Não por ser chato, ou mesquinho, ou algo do tipo, pelo contrário, mas por ter personalidade. As pessoas, para estarem ou entrarem na minha vida, sabem bem com o que e com quem estão lidando. Sou uma pessoa muito direta, objetiva e sincera. Lógico, não saio falando “verdades” para todo mundo, nem descendo a boca nas pessoas; não gosto e não faço este “tipo”. Mas também não sou o tipo de pessoa que fica passando a “mão na cabeça”, com gente que se faz de rogado(a); Não tenho tempo, saco e paciência para gente preguiçosa, gente falsa e gente oportunista. Por isso muitas vezes, sou visto como “chato” perante a algumas pessoas que não usam da verdade e do profissionalismo.  Isso me incomoda? Não. Sei do meu grau de personalidade e das pessoas que se identificam comigo e com meu trabalho, pois os “iguais ou semelhantes”, se atraem e para mim, é isso que importa. Se pregaram Jesus na Cruz… então, quem sou eu para querer agradar a todos?!. Faço meu trabalho com amor e honestidade. Se gostam, fico muito feliz; Se não gostam, só tenho que dizer mesmo assim: obrigado.

Paulo Fonseca é uma pessoa focada, perfeccionista. Um homem muito profissional no que faz e no tato para com todos os profissionais do qual se relaciona, seja de que segmento for. Se não amar aquilo que faz; se não for bom naquilo que faz, se não for ético(a), se não for humilde, para trabalhar comigo não serve.

Paulo Fonseca é original, arrojado, impaciente algumas vezes, metódico, formador de opinião, humano, sensível e acima de tudo: ALEGRE.

A única coisa que sei que é certa: seja com meus fãs, amigos, profissionais, família e para comigo, do qual tenho certeza, é minha honestidade, autenticidade e senso de justiça. Sou uma pessoa muito justa, coerente. O resto, deixo para que vocês avaliem.

” Na Humildade e no Profissionalismo, encontramos o crescimento em nossas realizações profissionais”. Paulo Fonseca.

IMG_1454PPFinalMNFI8368-57

1545121_966632070030060_2291104180721648299_n 10356417_966649533361647_6996954381349717142_n cafuIMG_4277-1 00-43-07

Paulo o Postura Urbana agradece a entrevista, SUCESSO!!!

Por: JGA

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s