Publicado em Uncategorized

O que você sabe sobre Modelagem de vestuário!

4 - slide share

Figura 1 – Slide Share – https://www.slideshare.net/CarolinaDomingues/a-influncia-histrica-do-vesturio-na-modelagem-59798396)

 

Para que uma roupa torne-se real é preciso passar por algumas etapas antes, e a MODELAGEM é a primeira delas, com o croqui ou a imagem da peça a ser confeccionada, é preciso elaborar a criação do molde, sendo assim, executar a estrutura da roupa.

Pensar nas proporções do corpo e no caimento da peça é fundamental para criação da base, a partir daí, é preciso interpretar o modelo e modelar de fato,  com a modelagem concluída, o próximo passo é o corte do tecido respeitando sempre seu fio, e depois, vamos para a união das peças, ou seja, a costura>  pronto peça finalizada!

8 -molde - moldes e dicas de moda

Figura 2 – blog moldes e dicas

Mas de onde surgiu a modelagem?

História,

O fator que mais influenciou a “invenção” das roupas foi a necessidade de proteção do corpo pelos nossos ancestrais. A partir do uso das peles, simplesmente jogadas sobre o corpo, surge também a necessidade de torná-las maleáveis para que tivessem melhor assentamento e conforto.
As primeiras manifestações de modelagem do vestuário surgem a partir do momento que o homem descobriu a técnica do curtimento das peles e da agulha de ossos, ainda no período Paleolítico.

Bem depois disso, a  intenção estética da vestimenta era somente de cobrir o corpo como formas de proteção e de pudor; e os tecidos e ornamentos (bordados, pedrarias, jóias) tinham como função única de diferenciador social. Porém, no período das Cruzadas (século XI), Laver (1996: 56) cita, que a reabertura do comércio com o Oriente os cruzados trouxeram não somente os tecidos, mas as próprias roupas. Com isso surge no Ocidente, segundo o mesmo autor, o início da técnica do corte, que no Oriente já era bastante aprimorada.

Grandes avanços nas técnicas de corte, começaram por volta de 1589, quando é publicado em Madrid (Espanha), o primeiro livro sobre as técnicas de alfaiataria Livro de Geometria y Traça de Juan de Acelga. As extraordinárias variedades das formas do vestuário contidas nesta obra impõem um desenvolvimento técnico incomparável nos séculos seguintes.
A partir das técnicas de alfaiataria surgidas nesse período as roupas atingiram um grau surpreendente de elaboração e refinamento.

Com estes avanços, a França lança a primeira Escola de Moda, exclusivamente para alfaiates e sapateiros, em 1780. Mas é a Inglaterra que se destaca com a adoção da alfaiataria, lançando moda masculina para toda a Europa.
Segundo Laver (1996: 158), este fato se “deveu em grande parte, à habilidade superior dos alfaiates de Londres, treinados para trabalhar a “Casimira”. Esse tecido, de maneira diferente da seda e de outros materiais finos, pode ser esticado e, desse modo, bem moldado”. Procurando um conhecimento mais exato das medidas básicas do corpo humano, os alfaiates lançaram as bases da antropometria.

O ofício de modelar era somente exclusivo dos homens, as mulheres começaram a  se destacar na modelagem após a revolução industrial.

Na segunda metade dos anos de 1960, profundas transformações acontecem neste setor. Por outro lado, começa a surgir uma nova classe de estilistas, voltados para a consultoria nas grandes indústrias, as quais, a partir dos anos 50 deste mesmo século, se afirmam no mercado com suas produções em grande escala.  Produtos  estruturados através da modelagem plana, a partir dos moldes bases que são construídos com o auxílio de tabelas de medidas padronizadas pela ISO.
A aprendizagem e as novas técnicas de modelagem começam a estruturar-se de forma mais sistemática e de acordo com as exigências dos novos tempos. Ampliam -se as publicações de revistas com vários conceitos de moda, novas tendências e modelos acompanhados pelas suas respectivas modelagens, para serem reproduzidas de forma prática, em vários tamanhos e acessíveis às pessoas que tenham o conhecimento mínimo na arte do corte e costura.

(http://fido.palermo.edu/servicios_dyc/publicacionesdc/vista/detalle_articulo.php?id_articulo=5906&id_libro=16)

Existem algumas técnicas de modelagem, são elas;

Bidimensional ou plana – elaborada no papel, pode ser realizada por método geométrico tradicional com cálculo, ou por método de gabarito onde o cálculo matemático já foi definido por várias escalas.

Tridimensional ou moulage – elaborada em um manequim de costura diretamente no corpo de quem se está confeccionando a roupa.

 Modelagem vetorizada – elaborada diretamente no computador por algum programa cad.

1 - senaiFigura 3 -Sote Senai – método de modelagem plana geométrica com cálculo

5 - marcia moraisFigura 4 –  site Márcia Morais – método de modelagem plana geométrica com cálculo

7 moulage - orbitatoFigura 5 – Moulage _ Google imagens

3 - audaces

Figura 6 – Site Audaces – método de modelagem vetorizada –

magic corte -

Figura 7 –  Site Magic Corte – Método sem cálculo

A semana que se passou pra mim foi intensa e de muito aprendizado, sempre gostei de modelagem, muito antes de escolher moda como profissão, cresci vendo minha avó costurar, pintar, bordar, e minha mãe também costura e modela e no final dos anos 80, ela fez alguns cursos de corte, costura e modelagem, ela fazia muitas roupas para mim e minhas irmãs e também para meu pai, eu adorava observar minha mãe e minha tia desenhando os moldes e sempre pedia para minha mãe fazer roupas para minhas bonecas. O tempo passou, eu cresci, escolhi a publicidade como profissão aos 10 anos de idade, fui para a faculdade com 22 anos, cursei publicidade, trabalhei com evento, com marketing e vendas, com demonstração de produtos, enfim, em 2012 resolvi entrar em um curso de corte e costura, depois de muito minha mãe ter me dado essa dica,  e daí não parei mais, fiz vários cursos na área de moda no Senai e Senac, e depois cursei moda no Centro Universitário Anhanguera, a paixão só cresce, e vira e mexe participo de eventos e faço cursos de atualização, há 1 ano, conheci a Moda Inclusiva que consiste na criação de vestuário e acessórios para pessoas com deficiência ou mobilidade reduzida e isso fez com que eu voltasse a estudar modelagem de maneira mais detalhada, pesquisei vários métodos de modelagem plana, eu aprendi a modelar no Senai pelo método geométrico, mas eu buscava algo mais prático, conheci a modelagem de gabarito de algumas empresas e ainda não era o que eu procurava, foi então, que mexendo nos arquivos da minha mãe, ela possui uma relíquia de material de moda desde a década de 1960, encontrei um jogo de gabarito e vários livros da Magic Corte, gostei de cara do material, pesquisei, entrei em contato com a empresa, eu já tinha intenção de lecionar,  logo depois, fui informada de que haveria um curso de Formação de Professoras pelo Método, não pensei duas vezes, me inscrevi e aguardei ansiosa pelas aulas que aconteceram semana passada, gostei de tudo que aprendi,  e gostei muito de toda equipe Magic Corte. Essa semana é por em prática o aprendizado e estudar para prova para pegar minha habilitação pra ensinar o método.

mixFigura 8 – Arquivo Pessoal ( jogo de gabarito Magic Corte de 1988)

Figuras 9 – Arquivo pessoal  (encerramento do curso)

 

Por JGA

 

 

Anúncios

Autor:

Sagitariana que sempre vai na contramão. Minhas paixões: Bichos( tenho 5 amores), Plantas e a Natureza de uma forma geral. Curto batata frita, cerveja gelada, Rock'n'roll. Tomo Toddy diariamente, é meu elixir. Culinária é meu hobby e eu mando bem, minha especialidade são as massas. Amo toda manifestação de arte( Leitura, Teatro, Cinema, Música, Artes Plásticas). Gosto de assuntos variados, de política a futebol, de filosofia a ciências. A palavra LIBERDADE me define. Sou um mix de sentimentos, sorrisos e lágrimas, amor e raiva, tudo em mim transborda e é intenso.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s