Publicado em Uncategorized

Design Estratégico – Mapa de Possibilidades

bussola

 

Muito tem se falado em Design Thinking,  definido como:  Ferramenta de inovação para empreendedores, tem a função de ser uma abordagem que busca a solução de problemas de forma coletiva e colaborativa, em uma perspectiva de empatia máxima com seus stakeholders (interessados): as pessoas são colocadas no centro de desenvolvimento do produto – não somente o consumidor final, mas todos os envolvidos na ideia (trabalhos em equipes multidisciplinares são comuns nesse conceito).

( https://endeavor.org.br/tecnologia/design-thinking-inovacao/)

 

O Design Estratégico, abarca conceitos do Design Thinking, porém é considerado uma metodologia que foca em 3 pilares:

Entender as necessidades do cliente;
Criar um relacionamento de longo prazo;
Repensar os processos e a forma de gestão.

“O design estratégico oferece orientações técnicas e criativas a partir da perspectiva social e incentiva a escuta, a pesquisa qualitativa e a criação de cenários. Executa e amplia os processos de design estratégico formados com seus clientes, parceiros e colaboradores por meio de uma rede de inovação e produção de valor”.

(PASTORI et al., 2009).

O design estratégico pode ser usado como ponto central em um modelo de negócio. As metodologias e ferramentas ajudam as empresas a entender seus usuários, suas necessidades e seus desejos, bem como suas angústias e irritações.

Uma ferramenta fundamental do Design Estratégico é a Comunicação Assertiva, que é a capacidade de nos expressarmos honestamente, sem negarmos os direitos dos outros de fazerem o mesmo. 

 

  • Fundamentos Principais:
  • Inteligência Emocional;
  • Motivação;
  • Respeito.

Atualmente é preciso pensar e repensar a forma como adquirimos ou produzimos produtos e serviços, transparência e honestidade são elementos fundamentais e indispensáveis. Pode-se afirmar que usar os tópicos do design estratégico, é como se nortear através de uma bússola.

Imagem:  www.eremedia.com

 

Por JGA

Anúncios